Postado em por Minutoesportes com Estadão em EsporteBrasil

Corinthians foi o clube que mais arrecadou com direitos de TV em 2012

Por Minutoesportes com Estadão

Estudo divulgado pelo Itaú BBA aponta que o Corinthians foi o clube que mais arrecadou com direitos de televisionamento no País em 2012. O time do Parque São Jorge recebeu R$ 156 milhões nesse quesito, R$ 46 milhões a mais do que o Flamengo, o segundo colocado no ranking. Se forem considerados somente os clubes paulistas, a diferença é ainda maior: o Santos, o segundo que mais arrecadou com TV dentre os times do estado, faturou R$ 84 milhões, 72 milhões a menos que o Corinthians.

A queda do Palmeiras para a Série B também impactou o clube em termos de arrecadação com direitos de transmissão. Dentre os quatro grandes de São Paulo, o time de Palestra Itália foi o que menos faturou com televisionamento: "apenas" R$ 30 milhões, o que representa 19,2% do que levou o Corinthians e que coloca o alviverde em 11.º lugar entre os 24 clubes analisados (os 20 da Série A em 2012 mais os quatro que subiram da B no mesmo ano). O São Paulo, com R$ 81 milhões de televisionamento, foi o 4.º no ranking geral.

Dentre todos os grandes clubes, os que mais tiveram aumento de receita com TV foram Cruzeiro (104%), Flamengo (80%), Corinthians (70%), São Paulo (69%) e Santos (55%).

RANKING - ARRECADAÇÃO COM TV

1. Corinthians - R$ 156 milhões
2. Flamengo - R$ 110 milhões
3. Santos - R$ 84 milhões
4. São Paulo - R$ 81 milhões
5. Atlético-MG - R$ 69 milhões
6. Grêmio - R$ 62 milhões
7. Vasco - R$ 56 milhões
8. Cruzeiro - R$ 49 milhões
8. Internacional - R$ 49 milhões
10. Bahia - R$ 33 milhões
11. Palmeiras - R$ 30 milhões
12. Fluminense - R$ 28 milhões
13. Figueirense - R$ 24 milhões
14. Coritiba - R$ 22 milhões
15. Criciúma - R$ 20 milhões
16. Botafogo - R$ 19 milhões
17. Goiás - R$ 19 milhões
18. Atlético-PR - R$ 16 milhões
18. Atlético-GO - 16 milhões
20. Ponte Preta - R$ 15 milhões
20. Portuguesa - R$ 15 milhões
22. Vitória - R$ 10 milhões 

Deixe seu comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.